quinta-feira, 26 de junho de 2008

perdão

eu perdôo seu descaso na reta final.
eu perdôo sua falta de preocupação comigo.
eu perdôo seu humor indelicado.
perdôo até suas traições, as pequenas e as enormes.
perdôo sua falta de sono de madrugada e sua mente altamente criativa.
perdôo tudo que foi e o que não virá nunca mais.
mas tem uma coisa que eu nunca vou perdoar: vc tirou o meu sossego pra ouvir Chico.
E isso não tem perdão.

3 comentários:

Juliana disse...

ele lê teu blog???

Re disse...

Não tem perdão mesmo!

isaBela araújo silvA disse...

ju, eu escrevo porque me faz bem, isso quer dizer que se os personagens da(s) história(s) lêem ou não lêem não faz a menos diferença pra mim!

re, chico é tudo na vida da gente né?