segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

em busca de novas ruas

Poema Budista Tibetano
'autobiografia em cinco capítulos'

1º capítulo:
Caminho pela rua.
Há um profundo buraco no passeio.
Caio lá dentro.
Estou perdido... não sei o que fazer.
Mas a responsabilidade não é minha.
Preciso de uma eternidade para descobrir a saída.

2º capítulo:
Caminho pela mesma rua.
Lá está um grande buraco no passeio.
Finjo que não o vejo.
Caio outra vez.
Custa-me crer que esteja no mesmo lugar...
Mas a responsabilidade não é minha.
Ainda preciso de muito tempo para sair.

3º capítulo:
Caminho pela mesma rua.
Há um profundo buraco no passeio.
Vejo que está lá.
Mas caio. Já é um hábito...
Tenho os olhos abertos e sei onde estou.
A responsabilidade é minha.
E saio imediatamente.

4º capítulo:
Caminho pela mesma rua.
Há um profundo buraco no passeio.
Passo ao lado.

5º capítulo:
Caminho por outra rua.

2 comentários:

Tiago disse...

Esse é tudo... simplesmente tudo

T.A.P.A.S disse...

cuidado: pista nos buracos......